Gestão de processos

Fazendo as pazes com as Não-Conformidades

pazes nao conformidades

Imprimir artigo
Vou falar nesse post sobre como fazer as pazes com as não-conformidades. Há alguns posts muito bons, escritos nesse blog sobre elas, mas quando se trata do assunto todo esclarecimento é bem-vindo. É um assunto que deve ser de domínio de todos os colaboradores ou pelo menos dos principais líderes dos setores e não apenas da equipe da Qualidade e Representante da Direção, pois quanto mais pessoas envolvidas e comprometidas com a identificação da causa e da resolução dos planos de ações definidos, melhores os resultados.

Uma não-conformidade segundo o post “O que é Não-Conformidade?”, é o resultado insatisfatório de um processo, que resulta em um produto que não atende aos requisitos especificados.

Como identificar uma Não-conformidade?

Um passo importante é treinar toda a equipe e deixá-los conscientes de quando é necessário o registro de uma não-conformidade, e o que é importante tratar dentro do contexto estratégico da empresa, para que não tenham dúvidas quando se depararem com uma.

A equipe da qualidade deve fazer uma análise prévia de quais casos serão tratados como não-conformidades e divulgar para toda a equipe. Podem estar nesses casos:

  • Reclamações de Clientes;
  • Cancelamento de Clientes;
  • Não execução de um processo;
  • Não atendimento de um requisito de produto;
  • Problemas com a infra-estrutura.

Muitos colaboradores por não estarem treinados o suficiente deixam passar ocorrências sem fazer nenhum registro, sem tomar nenhuma ação, e isso interfere diretamente nos indicadores, pois o não registro de NCs pode ser confundido com a não ocorrência das mesmas e as melhorias deixam de ser identificadas.

Como realizar a Análise de Causa?

Existem vários métodos para realizar a análise de causa de uma não-conformidade, entre elas: Os 5 porquês, Diagrama de Ishikawa, Brainstorming, FMEA, entre outros. A dica é que independente do método usado, não seja executado por apenas um colaborador, pois quando há mais de uma pessoa com conhecimento do problema identificado envolvida na análise, temos melhores resultados e mais ações relevantes identificadas.

Como melhorar continuamente?

Uma não-conformidade identificada e tratada corretamente produzirá algumas vezes correções em produtos, e sempre vai gerar melhorias nos processos, pois não-conformidades são sempre resultantes de falhas de processo. Para cada não-conformidade resolvida uma lição deve ser aprendida, um processo deve ser criado ou melhorado.

Não tenha medo quando se trata de identificar não-conformidades, quando analisadas e resolvidas corretamente elas sempre serão suas amigas, que além de resolverem problemas, não permitirão que os mesmos ocorram novamente.

 

1# O que é uma não conformidade?

2# Tratar uma NC não é corrigir um problema…

3# Por que utilizar um software para Gestão de Nao-conformidades

Autor

Comentários

Posts Relacionados

lucro ruim
← Post mais recente
Avaliação da Satisfação dos Clientes NPS e os Lucros Ruins